sábado, 27 de março de 2010

Cinemaniac Indica (A Garota da Vitrine)

A Garota da Vitrine é um dos poucos filmes de romance que realmente apaixonam o espectador. Sabendo explorar bem os sentimentos dos personagens, e um triângulo amoroso nada convencional, o longa dá uma nova roupagem ao gênero, que cada vez mais migra para o humor. Com pitadas de humor, mas uma sobriedade pouco vista, o filme surpreende o espectador com uma trama cheio de ritmo, que exala realidade. Sabendo desenvolver bem o rumo de seus personagens, a direção de Anand Tucker, permite que o espectador pouco a pouco conheça o personagem, sem pressa e com muita criatividade.

Sabendo lidar muito bem com os sentimentos dos personagens, a direção trata temas interessantes, como o primeiro encontro e a primeira transa, de maneira suave e bastante realística. Explorando os toques de humor, que estas situações podem proporcionar, o roteiro de Steve Martin flutua com tranquilidade entre o drama e a comédia, tornando o filme uma obra agradável e cativante de se assistir. Para melhorar, uma trilha-sonora viva e vibrante, composta por Barrington Pheloung, embala o filme e oferece ainda mais vida a todas as cenas. Além disto, a forma como é contada a história, com uma espécie de narrador, se mostrou uma ótima sacada, principalmente, pela forma singela e eficiente que foi utilizada. Vale ressaltar também, alguns ótimos takes, visivelmente pensados para tornar o filme ainda mais sensível.

Na trama, baseada em obra escrita pelo próprio ator, Mirabelle (Claire Danes) é uma jovem que trabalha na seção de luvas da Saks Fith Avenue, em Beverly Hills. Ela é uma artista que luta para se manter, vivendo sempre no limite do cartão de crédito e empréstimos bancários. Solitária e sem muitas expectativas de crescimento a bela e simples moça encontra no curioso Jeremy (Jason Schwartzmann) uma chance de se realizar sentimentalmente. Apesar de gostar de Jeremy, Mirabelle começa a se envolver com o ricaço Ray Potter (Steven Martin), um homem que em muito se assemelha a ela. Juntos os dois passam a viver um romance bastante encantador. Apaixonado por Mirabelle, Jeremy resolve mudar o seu modo de viver, e lutar por um amor que parece perdido. E neste triângulo amoroso, nada convencional, surge uma bela história de amor que vai apaixonar você.

Apostando em um elenco bastante versátil, Anand Tucker consegue tirar dos atores o máximo de cada um. Roteirista e produtor, Steve Martin consegue ter uma atuação realmente sóbria e surpreendente. Mostrando que não é só muito bom nas comédias, o ator se destaca e mostra uma ótima química com Claire Danes. A bela e sempre competente atriz mostra que realmente é está em crescimento e que cada vez mais tem acertado na escolha de seus personagens. Além deles, Jason Schwartzman rouba a cena mais uma vez. Com uma interpretação realmente fantástica, o ator mostra todo o seu talento na pele do curioso e cativante personagem Jeremy.

Enfim, A Garota da Vitrine reúne todos os elementos que um ótimo filme do romance necessita ter, para conseguir sucesso. Com uma boa trama, ótimas atuações, e principalmente, sentimento, o longa se torna um dos melhores filmes do gênero desta década. Belo e surpreendente trabalho, quase todo baseado no esforço de Steven Martin, que mostra todo o seu talento na pele de um personagem que simplesmente não sabe amar.

2 comentários:

Nekas disse...

Dá-me o teu e-mail, se faz favor...
Escreve no meu blog e depois eu apago o comentário...

Abraço
Cinema as my World

thicarvalho disse...

Pode deixar q mando sim. To com um problema no meu atual email, mas vou fazer um novo e ai te mando. Grande abraço e valeu pela visita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...