domingo, 30 de agosto de 2015

Ted e as amizades mais "curiosas" do Cinema


Os amigos de trovoada estão de volta. Neste final de semana chegou aos cinemas Ted 2 (confira a nossa opinião aqui), longa que trará novamente a estranha dupla de amigos formada por um ursinho de pelúcia politicamente incorreto e o seu imaturo dono. Novamente estrelado por Mark Wahlberg (Transformers - A Era da Extinção) e por Seth MacFarlane (Um Milhão de Maneiras de Pegar numa Pistola), a continuação acompanhará a luta de Ted para ter o direito de ser considerado um cidadão e consequentemente se tornar um pai de família. Aproveitando a estreia de Ted 2, neste especial do Cinemaniac confira algumas das amizades mais curiosas já apresentadas pela indústria do Cinema.

- Wilson e Chuck (Naufrago - 2000)


E começamos como uma daquelas "amizades" que só a indústria do entretenimento poderia consagrar. Em Náufrago, após sofrer um acidente de avião, Chuck (Tom Hanks) se vê isolado em uma remota ilha. Pouco a pouco, acometido pelo desespero e pela solidão, ele envolve uma estranha amizade com uma bola de vôlei, isso mesmo uma simples bola, que "sobreviveu" entre os destroços. O pior é que a relação entre os dois comove, rendendo uma sequência absolutamente fantástica. Só Tom Hanks para nos fazer torcer e se emocionar por uma bola de vôlei. 

- Frank e Robô (Frank e o Robô - 2012)


Numa relação absolutamente particular, Frank (Frank Langella) e um robô médico constroem uma adorável amizade em Frank e o Robô. Na trama, num futuro não muito distante, um velho ladrão de joias acaba sendo diagnosticado com Alzheimer. Sofrendo com os primeiro problemas de memória, o idoso ganha de presente um robô enfermeiro, uma criatura programada para proteger e zelar pelo seu paciente. Se sentindo amargurado nos seus momentos de maior lucidez, Frank resolve fazer do robô o seu parceiro no crime, sem saber que ele vinha com uma programação que o impedia de fazer qualquer mal aos humanos. 

- Elliot e o E.T (E.T - O Extraterrestre - 1982)


Essa é clássica e merece estar em qualquer lista de amigos do cinema. Num dos mais icônicos trabalhos de Steven Spielberg, Elliot (Henry Thomas) é um esperto jovem que acaba conhecendo um carismático alienígena perdido na Terra. Apesar do susto inicial, o garoto logo se aproxima do E.T, fazendo de tudo para impedir que este ser extraterrestre caie nas mãos erradas. Sem dúvidas uma grande relação de amizade, que se tornou um clássico da década de 1980. 

- Elwood e Harvey (Meu Amigo Harvey - 1950)


Do fundo do baú, Meu Amigo Harvey nos apresentou a curiosa amizade de um cativante homem e um coelho imaginário de dois metros de altura. Estrelado por James Stewart, o longa narra a história de Elwood, um ricaço solitário que vê a sua vida ganhar novos contornos ao conhecer um coelho imaginário chamado Harvey. Indo contra as convenções sociais e as intenções da sua irmã mais velha Veta (Josephine Hull), Elwood resolve dar sequência a essa estranha relação, correndo o risco de ser taxado como maluco por toda alta sociedade. Um baita filme deste grande ator chamado James Stewart. 

- Ponyo e Sosuke (Ponyo: Uma Amizade que veio do Mar - 2008)


Sob a chancela do estúdio Ghibli, Ponyo: Uma Amizade que veio do Mar nos trouxe a relação entre um garotinho e uma peixinho dourado mágica. Na trama, conhecemos Sosuke, um jovem que após um dia de brincadeira na praia acaba conhecendo a adorável Ponyo. Surpreso ao ver aquela peixinho preso em um pote de geleia, Sossuke a resgata e decide leva-la para casa. Ele, no entanto, não sabia que ela era de uma importante família das profundezas do mar, e que fora d'água Ponyo passaria a se tornar uma humana. Desesperado com o sumiço de sua filhinha, um poderoso feiticeiro do mar resolve procura-la em Terra, ocasionando uma catástrofe climática de grandes proporções. Uma cativante relação de amizade, que ganha contornos encantadores nas mãos do mestre nipônico Hayao Miyazaki. 

- Hogart e Gigante de Ferro (O Gigante de Ferro - 2000)


E a interação entre robôs e humanos esta de volta na lista. Em O Gigante de Ferro conhecemos Hogart, um jovem sonhador que descobre a existência de um misterioso e enorme robô em sua cidade. Inicialmente com medo, logo ele constrói uma carismática relação de amizade com esta criatura, sem saber os motivos que o levaram a estar naquele lugar. Dirigido por Brad Bird, dos igualmente ótimos Os Incríveis e Missão Impossível: Protocolo Fantasma, O Gigante de Ferro mostra que quem vê cara não vê coração. Ou melhor, neste caso, placa mãe. 

- Remy e Linguini (Ratatouille - 2007)


Se tem algo que pode acabar com o status de um restaurante é um rato na cozinha. Dando de ombros pra esse fato, Brad Bird retorna a esta lista com o aclamado Ratatouille. Na trama, Remy é um ratinho que sonha em ser cozinheiro. Sempre enxotado dos restaurantes, ele é bem recebido por Linguini, um atrapalhado ajudante de cozinha que precisa fazer o máximo para manter o seu emprego num celebrado restaurantes. Sem tem a que recorrer, Linguini passa a ouvir as dicas de culinária de Remy, iniciando uma parceria que irá mudar a rotina destes dois carismáticos personagens. A Pixar no melhor estilo Pixar. 

- Dodó e Toby (O Cão e a Raposa - 1981)


Numa das mais singelas produções animadas da Disney, O Cão e a Raposa constrói uma relação de amizade entre caça e caçador. Na trama, após ver a sua mãe morta durante um caça, a raposa Dodó é "adotada" e criada como um animal de estimação por uma fazendeira. Lá, a filhote cria um grande vínculo com o cãozinho Dodó, um cachorro de caça que pertencia ao marido da fazendeira. Apesar de serem de espécies completamente diferentes, os dois logo se tornam amigos, sem saber que num futuro não muito distante eles se veriam frente a frente numa situação completamente oposta. Absolutamente comovente, a amizade entre Toby e Dodó deixa uma contundente mensagem de tolerância e respeito, daquelas que a Disney é mestre em apresentar.

- Timmy e Fido (Fido: O Mascote - 2006)


Talvez a amizade mais inusitada desta lista, a parceria entre um zumbi e um garotinho é a hilária premissa da comédia Fido: O Mascote. Estrelado por Billy Connolly (Desventuras em Série), o longa se passa numa realidade pós-apocalíptica onde os zumbis tomaram conta da Terra. Uma grande empresa, no entanto, inventa uma coleira capaz de domesticar os mortos vivos, pacificando a situação ao utiliza-los como mão de obra para serviços braçais. Com a sociedade tentando se reconstruir, o jovem Timmy (Kesun Loder) acaba criando um vínculo com Fido (Connolly), um zumbi com personalidade que o salva de um grupo rival no colégio. Daí nasce uma amizade perigosa, que poderá mudar a pacata rotina desta nova sociedade.

- Banguela e Soluço (Como Treinar o seu Dragão - 2010)


Indo contra a natureza viking do seu povo, o jovem Soluço criar uma cativante amizade com o perigoso dragão Banguela em Como Treinar seu Dragão. Num dos grandes sucessos da Dreamworks, o longa conquistou os fãs ao mostrar que basta apenas uma iniciativa para que todos os nossos conceitos sejam modificados. Um excelente longa que ganhou uma continuação ainda maior, sempre guiada pela adorável relação entre um dragão e o seu quase caçador.

- Han Solo e Chewbacca (Guerra nas Estrelas - 1977\2015)


Diretamente dos confins do Universo, Han Solo e Chewbacca construíram uma das amizades mais icônicas do cinema na franquia Star Wars. Então Tenente Imperial, Han Solo foi escalado para comprar filhotes de Wookiees, capturados por escravistas. Ao chegar lá, no entanto, ele descobre que os Wookiees atacaram a nave, resgatando todos os filhotes. Líder desta incursão, Chewbacca acabou ficando para trás, ferido durante o ataque à nave escravista. Apesar de ter ordens para mata-lo, Han Solo se recusa a cometer tal crime contra uma criatura indefesa. Ameaçado de morte pelos seus superiores, ele resolve roubar a nave e salvar o Wookiee, iniciando uma parceria que se tornaria marcante dentro do universo Star Wars. Os dois, aliás, estarão de volta em Star Wars - O Despertar da Força (foto acima), novo longa da franquia que chega aos cinemas no final deste ano.

- Sulivan e Boo (Monstros S.A - 2001)


Olha a Pixar de volta a lista. Nascidos para assustar as criancinhas durante os seus sonhos, os monstros Sullivan e Mike eram funcionários exemplares dentro da Monstros S.A. Acreditando que os humanos eram grandes transmissores de doença, esta empresa vivia da energia capturada durante os sustos das crianças, conseguindo manter vivo o seu mundo de "monstruosidades". Numa atrapalhada missão, no entanto, os dois acabam conhecendo a adorável Boo, uma garotinha que logo cativa o grandalhão Sullivan. Eles, no entanto, não esperavam que ela fosse invadir o seu mundo, causando um grande rebuliço dentro da Monstros S.A. Uma criança e o monstro do armário. Ta aí uma amizade que só a Pixar é capaz de bolar.

- Lilo e Stitch (Lilo e Stitch - 2002)


Mais uma dos estúdios Disney, Lilo e Stitch é mais um longa a acompanhar a amizade de um alienígena e uma terráquea. Na trama, Lilo é uma carismática garotinha havaiana que vê a sua vida mudar quando uma nave extraterrestre cai perto de sua casa. Nela estavam o cientista louco Dr. Jumba Jookiba e o destruidor experimento 626. Encantada com a aparência pouco comum da criatura, Lilo decide adota-lo como um animal de estimação, sem saber que estava se tornando amiga de um rebelde completamente indomável. Um longa ideal para a criançada de plantão.

- A criatura de Frankenstein e Phoebe (Deu a Louca nos Monstros - 1987)


E pra fechar esta lista um clássico da Sessão da Tarde. Em Deu a Louca nos Monstros, os Monstros da Universal voltam à ativa numa comédia de terror que parece não ter envelhecido. Na trama, após traduzirem um antigo diário alemão, um grupo de adolescentes descobre que o conde Drácula, o Lobisomem, a Múmia, o Monstro do Pântano e a criatura de Frankenstein estão de volta prontos para aterrorizar a vizinhança. Em meio ao perigo, no entanto, a jovem Phoebe acaba se afeiçoando pelo Frankenstein, descobrindo que por trás daquela aparência assustadora existe uma criatura dócil e gentil. Aproveitando o tema, confira também a nossa matéria especial (clique aqui) com algumas das mais icônicas e cativantes amizades do Cinema.  

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...