quinta-feira, 2 de julho de 2009

Cinemaniac Indica (O Tigre e a Neve)

Embarcando na mesma linha narrativa de A Vida é Bela, o diretor italiano Roberto Benigni consegue outro grande trabalho com o menos conhecido, mas igualmete bom, O Tigre e a Neve. Begnini apesar de recohecidamente ser um comediante, em seus últimos filmes tem conseguido misturar a comédia à temas muito mais complicados, como por exemplo, as Guerras. Enquanto em a Vida é Bela, o diretor italiano monta uma linda história que acontece durante o holocausto, durante a segunda grande guerra, em O Tigre e a Neve, Benigni tráz uma outra belíssima história de amor, que tem como contexto histórico a guerra do Iraque.

Em ambos os filmes Benigne consegue fazer uma mistura cativante entre gêneros como romance, drama, comédia e guerra. Este efeito se deve em grande parte a atuação de Benigni, que com seu jeito italianíssimo cativa o espectador. Mas se deve também a ótimas tramas que o diretor consegue manter, que não se reduz apenas a gags e momentos tristes. Nos dois filmes a história apresenta reviravoltas, que agradam em cheio o espectador, os emocionando.

Aliás este sentimento, o da emoção, é talvez o melhor trabalhado pelo diretor. Ao construir um personagem quase perfeito, prestativo e acima de tudo engraçado, Benigni atrai as atenções do espectador, que passa a se identificar com as peripécias do personagem, que em o Tigre e a Neve mais uma vez são muitos. Ao criar este processo de identificação, Benigni consegue fazer com que o espectador se encante com o personagem e assim passe a se envolver mais a fundo da trama, o que em filmes como A Vida é Bela e O Tigre e a Neve, é de fundamental importancia para o exito dos filmes.

No filme, o poeta e professor universitário Attilio de Giovanni vive num mundo distante da realidade, em meio aos sonhos de conquistar a mulher que ama. Em 2003, logo depois de lançar o livro de poesia O tigre e a neve, a realidade do mundo finalmente o atinge, quando descobre que a mulher de seus sonhos foi ferida num dos primeiros bombardeios americanos sobre o Iraque. Ele consegue achá-la em Bagdá, e se envolve então em inúmeras dificuldades para conseguir encontrar, em uma cidade destruída, os medicamentos de que ela precisa.

Outro ponto muito interessante do filme são as excelentes atuações do elenco. Mais uma vez a parceria com sua esposa Nicolett Braschi funciona de maneira brilhante, com uma química perfeita. Somada a dupla, que por sua intensidade já levaria o filme sozinho, ainda tem o excelente Jean Reno em grande atuação.

Enfim espero que todos assistam este ótimo filme do diretor italiano Roberto benigni, que mais uma vez consegue emocionar e provocar muitas risadas em todo o público. Infelizmente a grande mídia não mira as suas atenções para filmes de outros mercados, como o Europeu por exemplo, o que nos impossibilita de assistir a excelentes filmes como este. Nao deixem de assistir !!!!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...