domingo, 2 de julho de 2017

Mulher-Maravilha cruza a barreira dos US$ 700 milhões nas bilheterias

Longa já é também a maior bilheteria do novo Universo DC em solo americano


Eu não me canso de escrever sobre os feitos comerciais de Mulher-Maravilha. Após se tornar a maior arrecadação de um filme 'live-action' dirigido por uma mulher, no caso a excelente Patty Jenkins, o longa estrelado por Gal Gadot ultrapassou a barreira dos US$ 700 milhões nas bilheterias ao redor do mundo. Impulsionado pelos US$ 25,8 milhões* faturados nos dois últimos finais de semana nos EUA, a nova aventura da DC chegou a expressivos US$ 745,7 milhões*, superando assim os US$ 668 milhões conseguidos pelo popular O Homem de Aço (2013) e os US$ 745,6 milhões de Esquadrão Suicida (2016). Um triunfo que, diga-se de passagem, merece ser dividido com o público brasileiro, até porque no nosso país o filme alcançou impressionantes US$ 29 milhões, a terceira maior bilheteria do longa no cenário mundial. O estrondoso sucesso nos EUA, porém, colocou Mulher-Maravilha num patamar realmente inesperado. Neste momento, o longa já soma US$ 368 milhões no mercado norte-americano, superando a arrecadação local do popular Batman Vs Superman: A Origem da Justiça (US$ 330 milhões). Em outras palavras, antes tratado com desconfiança, Mulher-Maravilha já é a maior bilheteria do novo Universo Cinematográfico da DC na terra do Tio Sam. Que feito! Confira aqui a nossa crítica e leia também o nosso artigo sobre a ascensão feminina dentro do concorrido mercado blockbuster.

(*) Números atualizados no dia 10\07.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...