domingo, 26 de fevereiro de 2012

Com cinco estatuetas, O Artista conquista a Academia e se torna o grande vencedor do Oscar 2012



Em uma cerimônia marcada por poucas surpresas, a Academia de Artes Cinematográficas consagrou O Artista (elenco reunido na foto acima) como o grande vencedor do Oscar 2012. Na edição de número 84 da festa, o grande destaque da noite ficou para o longa dirigido por Michel Hazanavicius, que venceu em cinco categorias, incluindo Melhor Filme, Diretor, Ator, para Jean Dujardin, Melhor Trilha Sonora e Melhor Figurino.  Se O Artista foi a grande sensação da noite, quem acabou roubando a cena foi A Invenção de Hugo Cabaret, que também conquistou cinco Oscars, principalmente nas áreas mais técnicas. Primeiro trabalho do diretor Martin Scorsese em 3-D, Hugo conquistou os prêmios de Melhor Efeitos de Som, Mixagem de Som, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte e Melhor Efeitos Visuais, superando inclusive, o ótimo trabalho realizado em Planeta dos Macacos: A Origem.



Apostando no humor do comediante Billy Cristal, que conseguiu uma apresentação acima da média como mestre de cerimônia, o Oscar 2012 consagrou também Meryl Streep como Melhor Atriz por sua intensa interpretação em A Dama de Ferro. Aplaudida de pé por todo o público presente, a atriz chegou a sua terceira estatueta, após vencer em Kramer vs Kramer (1980) e A Escolha de Sofia (1982). Por falar em experiência, o ator Christopher Plummer se tornou o mais idoso a vencer uma categoria do Oscar. Aos 82 anos, Plummer conquistou a categoria Melhor Ator Coadjuvante por Toda Forma de Amor, e também foi aplaudido de pé pelo público. Já a atriz Octavia Spencer protagonizou um dos momentos mais emocionantes da cerimônia. Vencedora na categoria Melhor Atriz Coadjuvante por História Cruzadas, Spencer não se conteve ao receber o premio, e muito emocionada, foi as lágrimas.

Um dos favoritos da noite, Os Descendentes por pouco não deixa a cerimonia de mãos vazias

E por muito pouco o drama Os Descendentes não se tornou a grande decepção da noite. Concorrendo a cinco estatuetas, o longa dirigido por Alexander Payne (Sideways) só ganhou a de Melhor Roteiro Adaptado. A surpresa maior, aliás, ficou pela derrota de George Clooney, que antes favorito, acabou perdendo o prêmio de Melhor ator para o francês Jean Dujardin. Mostrando pouca intimidade com o inglês, o ator apelou para a cola na tentativa de fazer seu discurso, mas não escondeu o carisma que acabou o consagrando em 2012. Por falar em decepção, não foi dessa vez que o Brasil ganhou o seu primeiro Oscar. Concorrendo em Melhor Canção Original, com música assinada por Sergio Mendez e Carlinhos Brown, a animação Rio acabou perdendo para Os Muppets. Por falar no gênero, sem o favorito As Aventuras de Tintim, Rango acabou levando a categoria de Melhor Animação. O longa dirigido por Gore Verbinski (Piratas da Caribe), faturou a estatueta derrotando os sucessos de público O Gato de Botas e Kung Fu Panda 2.



Sobre a festa, em meio a previsibilidade, alguns momentos acabaram se destacando. A começar pela ótima interpretação da cantora Esperanza Spalding, que no momento In Memorian, cantou a bela What a Wonderful World. No quesito humor, quem chamou a atenção foi o astro Robert Downey Jr, que durante a apresentação de Melhor Documentário, resolveu encenar um documentário ao vivo protagonizando momentos extremamente engraçados. Ainda nas piadas, a dupla de comediante Will Ferrel e Zack Galfianaskis também provocou muitas risadas, com a bem humorada performance na apresentação da Melhor Canção Original. Confira abaixo os demais vencedores do Oscar 2012, com as respectivas opiniões do blog durante a apresentação da cerimônia.

Melhor filme


Os Descendentes
A Árvore da Vida
Histórias Cruzadas (Favorito do Cinemaniac)
A Invenção de Hugo Cabret
O Homem Que Mudou o Jogo
Cavalo de Guerra
O Artista
Meia-Noite em Paris
Tão Perto e Tão Forte

"Consagração do filme francês. Um belo trabalho, que chega ao seu quinto Oscar de forma merecida. Meu favorito era Histórias Cruzadas por ser um filme mais popular, mas a estatueta fica sim em grandes mãos. "

Melhor ator


George Clooney - Os Descendentes (Favorito do Cinemaniac)
Brad Pitt - O Homem Que Mudou o Jogo
Jean Dujardin - O Artista
Demián Bichir - A Better Life
Gary Oldman - O Espião que Sabia Demais

"Pequena surpresa. Em uma categoria extremamente complicada, a expressiva atuação de Dujardin acabou fazendo a diferença. Tenho a impressão que Clooney é mais importante para Os Descendentes, do que Dujardin para O Artista. Mas o franceses é puro carisma e merece esta estatueta."

Melhor atriz



Glenn Close - Albert Nobbs
Viola Davis - Histórias Cruzadas (Favorito do Cinemaniac)
Rooney Mara - Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres
Meryl Streep - A Dama de Ferro
Michelle Williams - Sete Dias com Marilyn

"Terceira estatueta de Meryl Streep. Sem dúvidas uma grande atuação de Meryl, mas fico com a impressão que este Oscar deveria ser de Viola Davis. Uma emocionante atuação em Histórias Cruzadas. 

Melhor diretor


Woody Allen - Meia-Noite em Paris
Terrence Malick - A Árvore da Vida
Alexander Payne - Os Descendentes
Michel Hazanivicous - O Artista (Favorito do Cinemaniac)
Martin Scorsese - A Invenção de Hugo Cabret

"Primeiro francês a ganhar um Oscar de Melhor diretor. Grande filme, ótima condução e um trabalho inovador, apesar do preto e branco e de ser mudo."

Melhor roteiro original

Meia-Noite em Paris (Favorito do Cinemaniac)
O Artista
Margin Call - O Dia Antes do Fim
Missão Madrinha de Casamento
A Separação

"Filme encantador, roteiro apaixonante. Não é atoa que se tornou a maior bilheteria do diretor Woody Allen, que aliás, também é o responsável pelo roteiro. Primeira estatueta para Meia Noite em Paris."

Melhor roteiro adaptado

A Invenção de Hugo Cabret (Favorito do Cinemaniac)
Tudo pelo Poder
Os Descendentes
O Espião que Sabia Demais
O Homem Que Mudou o Jogo

"Ganhou o previsto. O roteiro de Os descendentes é realmente poderoso, mas gostei muito da adaptação de Hugo. Achei um trabalho emocionante. Mas Os Descendentes também é uma bela adaptação, muito bem conduzida por Alexander Payne. Primeiro para Os Descendentes."

Melhor canção original


"Man or Muppet" - Os Muppets (Favorito Cinemaniac)
"Real in Rio" - Rio

"Perdemos mais uma e outra vez merecidamente. A trilha de Os Muppets é hilária e funciona muito bem. Rio deveria estar concorrendo como Melhor Animação. Ali sim o filme tinha chance. Destaque para a ótima performance da dupla Will Ferrel e Zack Galfianaski, hilária na apresentação da categoria.

Melhor trilha sonora original

As Aventuras de Tintim
O Artista (Favorito do Cinemaniac)
O Espião que Sabia Demais
A Invenção de Hugo Cabret
Cavalo de Guerra

"Eu digo que em O Artista a trilha sonora é protagonista. E consegue um resultado fundamental para o filme. Ludovick Bource fez um ótimo trabalho e mereceu a estatueta. Segundo Oscar para O Artista."

Melhor ator coadjuvante


Kenneth Branagh -Sete Dias com Marilyn
Nick Nolte - Guerreiro (Favorito do Cinemaniac)
Max Von Sidow - Tão Perto e Tão Forte
Jonah Hill - O Homem Que Mudou o Jogo
Christopher Plummer - Toda Forma de Amor

" Aos 82 anos Christopher Plummer é o mais idoso ator ao receber a estatueta do Oscar. Minha torcida era pra Nick Nolte, mas qualquer um dos cinco que ganhasse estaria justo. Grande ator e prêmio mais do que merecido."

Melhores efeitos visuais


Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2
A Invenção de Hugo Cabret
Gigantes de Aço
Planeta dos Macacos - A Origem (Favorito do Cinemaniac)
Transformers: O Lado Oculto da Lua

"Visualmente Hugo é belíssimo. Mas o trabalho em Planeta dos Macacos é incrível. O macaco Ceasar foi uma das grandes criações digitais de todos os tempos. Olha o conservadorismo ai gente. Quinto Oscar de Hugo. Menção para a ótima Emma Stone, linda e engraçada até na apresentação do Oscar"

Melhor longa animado

Gato de Botas
Kung Fu Panda 2
Rango (Favorito do Cinemaniac)
Um Gato em Paris
Chico e Rita

"Dos cinco disparado o melhor. Apesar das ausências de As Aventuras de Tintim e Rio, Rango merece e é um belo trabalho sim. Criativo e original. Vale destacar também o Gato de Botas, que tem um ótimo 3-d, mas Rango é melhor. Vale destacar a ótima apresentação de Chris Rock, a zebra de Madagascar. Como sempre engraçado."

Melhor documentário


Hell and Back Again
If a Tree Falls
Paradise Lost 3: Purgatory
Pina
Undefeated

"Não assisti nenhum dos cinco, mas venceu o documentário com a cara dos EUA. Time de futebol americano que não vai bem e supera tudo. Aliás, Robert Downey Jr na apresentação foi fantástico. Um dos bons momentos deste Oscar."

Melhor mixagem de som


Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres
Cavalo de Guerra
A Invenção de Hugo Cabret
Transformers: O Lado Oculto da Lua (Favorito do Cinemaniac)
O Homem Que Mudou o Jogo

"Quarto Oscar de Hugo e também merecido. Fico feliz por ver esse mágico filme ganhando muitas estatuetas."

Melhor edição de som

Drive
Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres
Cavalo de Guerra
A Invenção de Hugo Cabret
Transformers: O Lado Oculto da Lua (Favorito do Cinemaniac)

"Olha Hugo ganhando seu terceiro Oscar. Aqui acho o trabalho de Transformers melhor, mas tecnicamente o trabalho em A Invenção de Hugo Cabret é brilhante. Não surpreende a vitória e deve ganhar também em Mixagem de Som."

Melhor montagem


Os Descendentes
O Artista (Favorito do Cinemaniac)
Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres
O Homem Que Mudou o Jogo
A Invenção de Hugo Cabret

"Primeira surpresa da noite. Venceu Millenium: Os Homens que não amavam as Mulheres. Essa eu não entendi. O ritmo de O Artista é brilhante e a montagem se destacou. Enfim, ganhou um filme de quase 3 horas de duração..."

Melhor atriz coadjuvante


Bérénice Bejo - O Artista
Jessica Chastain - Histórias Cruzadas
Janet McTeer - Albert Nobbs
Melissa McCarthy - Missão Madrinha de Casamento
Octavia Spencer - Histórias Cruzadas (Favorito do Cinemaniac)

"Não tinha como perder... Venceu o SAG, o Globo de Ouro e agora o Oscar. Atuação brilhante, engraçada e emocionante. Mereceu os aplausos de pé."

Melhor filme em lingua estrangeira

A Separação (Irã) (Favorito do Cinemaniac)
Bullhead (Bélgica)
Monsieur Lazhar (Canadá)
Footnote (Israel)
In Darkness (Polônia)

"Meu favorito era A Pele que Habito. Como ficou de fora, sem dúvidas A Separação merece. Legal ver um filme Iraniano, país rival politico hoje dos EUA, vencer um Oscar. Palmas para a academia."

Melhor maquiagem


Albert Nobbs
Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2
A Dama de Ferro (Favorita do Cinemaniac)

"Outro favorito que vence. O trabalho de Meryl Streep é sensacional. A recriação de Margaret Tachter é brilhante e contribui para o ótimo trabalho da atriz."

Melhor figurino


Anônimo
O Artista (Favorito do Cinemaniac)
A Invenção de Hugo Cabret
Jane Eyre
W.E. - O Romance do Século

"Escolha acertada. Figurino que oscila entre o glamour e o fracasso, de acordo com cada personagem. Ótimo trabalho e a primeira estatueta para O Artista."

Melhor fotografia



Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres
O Artista
A Invenção de Hugo Cabret
A Árvore da Vida (Favorito do Cinemaniac)
Cavalo de Guerra

"Escolha interessante, principalmente pelo ótimo uso do 3-D. Apesar dos muitos efeitos digitais, sem dúvidas um belo trabalho"

Melhor direção de arte


O Artista
Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 2
A Invenção de Hugo Cabret (Favorito do Cinemaniac)
Cavalo de Guerra

"Mais do que merecido. Trabalho brilhante tanto por sua história, como também pela beleza visual. Dos 11, Hugo já faturou dois.."
Indicados

Melhor curta animado


Dimanche
The Fantastic Flying Books of Mister Morris Lessmore
La Luna
A Morning Stroll
Wild Life

Melhor documentário de curta-metragem

God is the Bigger Elvis
The Barber of Birmingham: Foot Soldier of the Civil Rights Movement
Incident in New Baghdad
Saving Face
The Tsunami and the Cherry
Blossom

Melhor curta

Pentecost
Raju
The Shore
Time Freak
Tuba Atlantic

"Venceu o favorito. Dirigido por Terry George, responsável pelos roteiros de Hotel Ruanda e Em nome do Pai".

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...