segunda-feira, 31 de maio de 2010

Novidades (Guillermo del Toro deixa direção de O Hobbit)


Depois dos muitos atrsasos no cronograma e dos sérios problemas finaceiros da MGM, o diretor Guillermo Del Toro confirmou, em nota oficial, que está deixando a direção de O Hobbit. Trabalhando no filme há cerca de dois anos, o diretor revelou toda a sua frustração por deixar o projeto. Segundo a nota, Del Toro ressaltou que está deixando a direção em função dos atrasos nas filmagens, e que estes atrapalhariam outros trabalhos já confirmados. Mesmo com sua saída confirmada, Del Toro continuará trabalhando no roteiro do filme, ao lado de seu parceiro Peter Jackson.

Considerada uma prévia da história apresentada em O Senhor dos Aneis, O Hobbit vem enfrentando sérios problemas em sua realização. Mesmo com todo esforço de Peter Jackson, o longa tem apresentado dificuldades em cumprir o seu cronograma, e agora com a saída de Guillermo del Toro, a situação tende a se complicar ainda mais. Além de lutar contra os problemas financeiros do estúdio, Jackson terá também a difícil missão de encontrar um outro nome para continuar o trabalho idealizado por Del Toro. Principalmente após a confirmação que o diretor já havia finalizado diversas partes artísticas da adaptação, como criaturas, cenários e até algumas cenas de batalha. Por enquanto ainda não há nomes cotados para assumir o lugar deixado pelo diretor mexicano, mas o certo é que a adaptação da obra J.R Tolkien corre sérios riscos. Confira abaixo a nota oficial, escrita pelo próprio diretor.

Nota Oficial

“Devido aos atrasos que impedem que as filmagens sejam marcadas tive que tomar uma das decisões mais difíceis da minha vida. Depois de dois anos vivendo, respirando e desenhando o mundo criado por Tolkien, eu lamento, mas preciso deixar a direção dessas incríveis adaptações".

2 comentários:

Mateus Souza disse...

É uma grande pena, pois del Toro apresentaria um ótimo trabalho, tenho certeza. Mas, com a saída dele, os fãs podem sonhar com a direção do próprio Peter Jackson, mesmo com o diretor comentando que isso dificilmente acontecerá.

Abraço.

@adrianaarndt disse...

Acho mais que uma grande pena; acho um trem descarrilhado! Esse é um tipo de filme que precisa de um diretor como o Del Toro! O Labirinto do Fauno não é o filme mais brilhante do mundo, por exemplo, mas se tornou um filme complexo e mágico graças a ele! Tomara que o próximo eleito saiba trabalhar bem a verdadeira "fraqueza" que são essas historinhas desse autor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...