quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Cinemaniac Indica (Enchente: Quem salvará nossos filhos?)

Hoje voltei aos meus dez anos, quando assisti na sessão "Cinema em Casa" ao filme Enchente: Quem salvará nossos Filhos?. Me lembrei do período em que esta sessão era a minha predileta, onde assistia aos grandes clássicos daquele período como Gremilins, A Lagoa Azul, A noite dos Mortos Vivos, além de muitos outros que me fizeram começar a adorar o cinema. Dentre estes, sem dúvidas, Enchente foi um dos que mais gostava de ver. Não sei bem o porquê, mas o filme trazia uma carga emotiva não muito comum para aquela faixa de horário. E eu curtia isto.

Apesar de ser um tele-filme, o que na maioria dos casos é um mal sinal, Enchente: Quem Salvará nossos filhos é um filme muito bem produzido, que não faria feio em cinema algum. Repleto de situações dramáticas, como o próprio título já mostra, o filme prende a atenção com o drama dos jovens que lutam para salvar suas vidas em meio a uma catástrofe ambiental. Contado de maneira interessante, o filme marca mais pela história real do que pela forma como ela é contada. Porém, para um filme de baixo orçamento, a qualidade é muito boa. O grande destaque vai para as cenas de resgates, que foram muito bem filmadas. Sem efeitos especiais, o diretor Chris Thomsom contou apenas com a criatividade para trazer a tensão para o espectador. Usando planos abertos e aéreos, semelhantes aos dos tele-jornais, o diretor passa uma impressão de realismo, não muito vista em filmes do gênero.

Além da boa direção, o filme tem um bom elenco, repleto de atores que nunca estouraram, mas que se destacarm em bons filmes ao longo de suas carreiras. Nomes como Joe Spano (Frost/Nixon e Apollo 13), Michael Gorijan (Tempestade) e Scott Michael Campbell (O Vôo da Fênix e O Segredo de Brockeback Mountain) são alguns dos atores que usaram o filme como trampolim para o sucesso em hollywood.

Sem contar com os usuais clichês, tradicionais em filmes do gênero, Enchente conta a história de um grupo de jovens evangélicos qua passam ferias em um acampamento. Na noite que antecede a partida, começa a chover fortemente. Na hora da partida percebe-se que a chuva havia comprometido a estrada e, por isso, terão que procurar uma rota alternativa. Porém, a chuva não dá trégua e eles são surpreendidos com uma poderosa correnteza que faz o grupo se separar, cada um tenta enfrentar a correnteza como pode. Muitos não tem forças para tanto. Enquanto as crianças tentam sobreviver, as famílias vivem o desespero da dor.

Sabendo explorar muito bem a emoção com a tragédia, Enchente: Quem salvará nosso filhos é um bom filme que marcou minha infância. Espero que todos vejam e gostem. Fiquem ligado em um Cinema em Casa da vida, pois este não é um filme muito fácil de se encontrar.

5 comentários:

Ricardo Martins disse...

Eu vacilei, nem vi que passou esse filme! Já o vi a um tempão, mas era uma criança, nem lembro direito dele! E o citado, Gremlins vim conhecer esse ano acredita? Também no cinema em casa! E tenho que citar sobre a Sessão, que recentemente vi um que gostei muito: Christine: o carro assassino! Bons clássicos!

Abraço

thicarvalho disse...

Poxa, bons tempos em que filmes como Amytivile, Mortos Vivos, Christine passavam em uma sessão, da tv aberta, em plena tarde. Era um período bem melhor do que o atual né? Mas de vez enquando me surpreendo. E enchente foi uma destas. Sem dúvidas um dos maiores clássicos do Cinema em Casa. Grande abraço.

Ricardo Martins disse...

E a sessão da tarde podia passar: Os fantasmas se Divertem, queria muito ver lá! E outro que adoro ver e não perco quando passa é Mudança de Hábito que passa tanto na Sessão como no Cinema em casa!

Abraço
E sempre teremos boas lembranças!

Milton Ksiazeki disse...

Muito bom esse filme, e da época em que o SBT exibia clássicos, como você mesmo disse, enfim.. parabéns pelo post.

Paula Tuono disse...

pra que quer rever, eis o link
https://www.youtube.com/watch?v=1QHx2H3aq8g

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...