quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Cinemaniac indica (Império do Sol)

Cada vez que vejo um filme dirigido por Steven Spielberg me surpreendo mais. Quando penso ter visto o seu melhor trabalho, acabo assistindo a outro filme do diretor e me encantando com ele. A bola da vez é o excelente Império do Sol. Filmado no ano de 1987, o longa-metragem não é um dos trabalhos mais conhecidos do diretor, mas sem dúvida é um dos melhores. Aliás, Spielberg é um dos poucos diretores da atualidade que conseguem aliar efeitos visuais, a um bom roteiro e boa direção. Infelizmente, muitos diretores acabam perdendo grandes oportunidades, por valorizarem mais um lado em detrimento do outro. Porém, com Spielberg o caso é diferente. Por esta versatilidade, é que cada vez mais Spielberg se coloca no hall dos melhores diretores de todos os tempos e sempre aparece aqui no blog.

Em Império do Sol podemos perceber justamente o que foi escrito acima. Desde a década de 1950, muitos filmes sobre a segunda guerra mundial foram produzidos em todo o mundo. A grande maioria deles, diga-se de passagem, com uma abordagem semelhante. É ai que entra o talento de um grande diretor. Todos já sabem o que foi a segunda guerra, as batalhas, a violência. Sabendo disto, o diretor resolve em seus dois filmes do gênero, O Império do Sol e A Lista de Schindler, mostrar o fator humano ao invés de exaltar batalhas e etc... Até por isto, estes dois filmes se tornaram grandes clássicos. Porém, se você pensa que o filme é parado, ou piegas, pode "tirar o cavalinho da chuva". Com toda sua sensibilidade, aliada ao talento na direção, Spielberg consegue dar um excelente andamento à trama. Em Império do Sol, podemos perceber que a história pode ser dividida em três partes. Um início conservador que contextualiza a vida do personagem principal. Uma segunda parte, onde a trama se desenvolve mostrando o drama e a forma como o personagem se adapta a todos os seus problemas. E uma terceira, que faz o filme valer a pena e fugir do lugar comum.

E para fugir do lugar comum, não bastava apenas uma boa trama, ou uma direção excelente. Era necessário um bom elenco. E o Império do Sol revela para o mundo da sétima arte o ator Christian Bale, um dos maiores e mais requisitados atores da atualidade. Hoje meio canastrão e com aquela cara sempre carrancuda, Bale tem uma excelente atuação, no papel do jovem Jamie. Com apenas 13 anos, Bale consegue ter uma interpretação sensacional, mostrando desde jovem as suas diversas facetas. Poucos atores jovens/adolescentes, conseguiram ter uma atuação tão convincente como Bale em Império do Sol. A forma como ele amadurece, e a veracidade passada pelo ator, fazem inclusive que ele mude fisicamente. Se você prestar bem atenção e ver como o menino começa o filme e como termina, entenderá o que estou falando. Claro que a maquiagem ajuda, mas percebi algo mais além disto. Além de Bale, o filme tráz o ótimo John Malckovic e um elenco de apoio sensacional, com nome como os de Joe Pantoliano, Miranda Richardson e o novato Ben Stiller, em sua estreia no cinema.

Império do Sol conta a história de Jim Graham, um garoto de 11 anos de uma família inglesa que vive no Oriente. Jim tem um padrão de vida alto, mas de repente é separado de seus pais em virtude da China ser invadida pelo Japão. Isto o força a se defender e o obriga a crescer, tornando-se então um sobrevivente em um campo de concentração com rígidas regras.

Repleto de grandes cenas, a da bomba atômica e a do ataque a base aérea são sensacionais, e com trilha sonora de arrepiar, mais uma de John Willians, Império do Sol sem dúvida alguma é um dos melhores trabalhos de Steven Spielberg. Fantástico desde as primeiras cenas, o filme encanta, apesar de abordar uma realidade tão dura como a Segunda Guerra Mundial. Mostrando o conflito sob o ponto de vista oriental, Spielberg acerta em cheio nesta produção. Não deixe de assistir principalmente se você for fã do gênero, ou da carreira do diretor.

2 comentários:

Amanda Aouad disse...

Grande filme, também não me canso de ver. Boa indicação.

thicarvalho disse...

Valeu pela visita amanda, grande filme mesmo. Chrsitian Bale arrebenta. valeu pela visita e volte sempre e parabéns pelo seu blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...